Reconhecido o estatuto do Museu de Évora

Reconhecido o estatuto do Museu de Évora

 

O Museu de Évora será classificado como museu nacional, segundo foi divulgado pelo Ministério da Cultura no dia 15 de Fevereiro. O Grupo Pro-Évora congratula-se com a decisão tomada, que satisfaz as preocupações que foram manifestadas no nosso comunicado Em Defesa do Museu de Évora, de 1 de Fevereiro, que representa também a vontade de muitos eborenses conhecedores do valor patrimonial desta instituição.

Com esta classificação, o Museu de Évora ficará sob a tutela da Direcção-Geral do Património Cultural e não da autarquia eborense, prevista na proposta de lei de transferência de competências para as autarquias locais, entretanto aprovada em Conselho de Ministros.

Como era referido naquele nosso comunicado, o acervo do Museu de Évora constitui “um conjunto patrimonial que ultrapassa em muito as dimensões local e regional, e que é representativo da arte e da cultura nacionais, nos seus diversos períodos históricos”, como é também reconhecido por museólogos e historiadores da arte.

O reconhecimento do estatuto de uma das instituições mais emblemáticas do legado histórico e cultural da cidade de Évora impõe, agora, que a tutela garanta as condições necessárias à sua gestão, conservação e valorização, ultrapassando os constrangimentos que têm afectado a vida do Museu..

Évora, 1 de Março de 2017.

A Direcção do Grupo Pro-Évora

 

 

AddThis Social Bookmark Button

1919-2011

image

"Em 16 de Novembro de 1919 foi formalmente fundado o Grupo Pro-Évora. Até hoje, somam-se mais de noventa anos de actividade em defesa do património e de valores culturais da cidade de Évora." A Direcção

 

"Pela Biblioteca Pública"

imageRemonta a 1992 a intenção declarada, por parte dos responsáveis pela cultura em Portugal, de dividir a Biblioteca Pública de Évora, uma das mais notáveis do pais. Desde logo o Grupo Pro-Évora iniciou uma campanha de defesa desta instituição, a semelhança do que fizera aquando da sua fundação.
de Celestino Froes David e Marcial Rodrigues


© 2011 - Grupo Pro-Évora - Todos os direitos reservados | Powered by