Que Centro Comercial para Évora? - 1/3

Ciclo de conferências/debates no Grupo Pro-Évora

A Câmara Municipal de Évora (CME) deu a conhecer a existência de investidores interessados em construir um centro comercial na cidade de Évora, situado junto às Portas de Avis, num terreno que pertence à autarquia.

Coloca-se, assim, a questão de saber que decisão irá ser tomada e de qual é o enquadramento dessa decisão nos instrumentos de gestão territorial, quer no ponto de vista urbano, quer no ponto de vista da salvaguarda do património, especialmente do património mundial.

O que ganha a cidade? Existem estudos que avaliem os impactos positivos e negativos do centro comercial na cidade, nos domínios económico, social, estético...? Que equacionem a coerência urbana dos equipamentos já existentes e dos previstos? Ou que avaliem os problemas de acessibilidade e da estrutura viária na zona das Portas de Avis?

O Grupo Pro-Évora (GPE) decidiu realizar um ciclo de conferências seguidas de debate sobre estes problemas, que a criação de um centro comercial envolve, convidando oradores conhecedores deste tipo de problemáticas. Estão programadas as seguintes três sessões, sempre com início às 21 horas, na sede do GPE, na Rua do Salvador, nº 1, com os oradores que se indicam:

  • Dia 10 de Novembro – Carlos Pinto de Sá, economista, Presidente da CME; Nicolau Santos, economista, director-adjunto do jornal Expresso.

  • Dia 25 de Novembro – António Melgão, Presidente da Associação Comercial do Distrito de Évora; Margarida Cancela de Abreu, arquitecta paisagista, Vice-Presidente da Associação Portuguesa dos Arquitectos Paisagistas.

  • Dia 2 de Dezembro – José Aguiar, arquitecto, professor da Faculdade de Arquitectura da Universidade de Lisboa, Vice-Presidente do ICOMOS-Portugal; Jorge Silva, arquitecto.

A moderação dos debates será feita pela Presidente do Grupo Pro-Évora, Aurora Carapinha, arquitecta paisagista, professora da Universidade de Évora. O GPE convida todos os interessados a participarem nesta iniciativa.



Visita Guiada ao Cromeleque dos Almendres e Anta Grande do Zambujeiro

 

Realiza-se no próximo dia 18 de Abril, Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, uma Visita Guiada ao Cromeleque dos Almendres e Anta Grande do Zambujeiro promovida pelo Grupo Pro-Évora e conduzida pelo Arqueólogo António Carlos Silva que abordará questões relacionadas com a conservação e valorização destes monumentos numa perspectiva do seu potencial como complemento do turismo cultural. Nos Almendres temos em conta os efeitos positivos dos melhoramentos introduzidos em 2012 pela Câmara Municipal de Évora e no caso da Anta Grande do Zambujeiro falaremos dos graves problemas de conservação e hipóteses de solução que se possam equacionar.

 

A saída está prevista para as 9.30h do parque de estacionamento da Porta de Aviz e a chegada no mesmo local, pelas 13.30h.

 

Agradecemos a colaboração do Comando de Instrução e Doutrina de Évora do Exército Português.

 

O Grupo Pro-Évora espera a participação de todos os interessados nesta visita guiada.

Centro UNESCO - Assinatura Protocolo


fotografia © CME

 

No passado dia 23 de janeiro de 2015, teve lugar a cerimónia de assinatura de protocolo, entre nove entidades públicas e privadas da Região e a Comissão Nacional da UNESCO, para a constituição  do Centro UNESCO Património Mundial de Évora, na sede do Grupo Pró - Évora - Rua do Salvador, nº 1, entidade que o vai acolher.



 

A cerimónia foi presidida pela Senhora Embaixadora Ana Martinho, Presidente da Comissão Nacional da UNESCO e cumpriu o seguinte programa:

 

  • Receção dos participantes e abertura da Sessão;
  • Comunicação do Presidente do Grupo Pró - Évora, Dr. Celestino David, em representação das entidades promotoras do Centro;
  • Comunicação da Presidente da Comissão Nacional da UNESCO, Embaixadora Ana Martinho;
  • Leitura Pública do Protocolo;
  • Assinatura do Protocolo.

O novo centro UNESCO dedicado à defesa do património resulta de uma parceria que envolve nove entidades:  Câmara Municipal de Évora, Universidade de Évora, Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, Direção Regional de Cultura do Alentejo,  Biblioteca Pública de Évora, Direção de Serviços Região Alentejo da Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares, Entidade Regional de Turismo do Alentejo, Grupo Pró-Évora e Fundação Eugénio de Almeida.

"Guia de Escultura da Cidade de Évora"

imageEsta edição bilingue (português/inglês) localiza e identifica cerca de 50 esculturas públicas. Com fotografias de Paulo Nuno Silva, mapas, fichas técnicas e textos introdutórios de Maria do Mar Fazenda, são propostos três percursos temáticos - Percurso Evocativo, Percurso Simpósio ’81 e Percurso (Re)Pensar a Cidade – que dão visibilidade e leitura às peças instaladas na cidade.

Este livro está disponível nas seguintes livrarias da cidade: Nazareth, D. Pepe, Salesianos e Fonte de Letras.

"Pela Biblioteca Pública"

imageRemonta a 1992 a intenção declarada, por parte dos responsáveis pela cultura em Portugal, de dividir a Biblioteca Pública de Évora, uma das mais notáveis do pais. Desde logo o Grupo Pro-Évora iniciou uma campanha de defesa desta instituição, a semelhança do que fizera aquando da sua fundação.
de Celestino Froes David e Marcial Rodrigues



© 2011 - Grupo Pro-Évora - Todos os direitos reservados | Powered by